Nossa Senhora do Porto de Ave

Nossa Senhora do Porto de Ave by VRfoto
Nossa Senhora do Porto de Ave, a photo by VRfoto on Flickr.

PÓVOA DE LANHOSO (Portugal): Santuário de Nossa Senhora do Porto de Ave.

See where this picture was taken. [?]

O santuário de Nossa senhora do Porto de Ave (ou de Porto d' Ave) é um complexo religioso situado no lugar de Porto de Ave, freguesia de Taíde, Póvoa de Lanhoso, Portugal. Inclui, além da igreja, que engloba um museu de arte sacra popular, uma Via sacra com capelas dedicadas a episódios da vida da Virgem Maria e vários edifícios, originalmente de apoio aos peregrinos, atualmente em remodelação. É local de uma romaria que se efetua todos os primeiros domingos de Setembro.
O santuário foi constituído, originalmente, por um pequeno oratório de madeira edificado por Francisco Magalhães Machado, pertencente à Ordem Terceira dos franciscanos, mestre escola neste lugar, no ano de 1730, para acolher uma imagem de Nossa Senhora do Rosário, antes pertencente à Igreja de São Miguel de Taíde, de modo a evitar a sua destruição, já que tinha sido rejeitada pelos responsáveis pela igreja. Tendo a imagem ficado aos seus cuidados, para sua veneração particular, rapidamente se espalhou a notícia de vários dons concedidos pela então designada "Senhora dos Milagres", pelo que se englobou o oratório numa capela de pedra que dignificasse a imagem, a que ocorriam cada vez mais peregrinos, crentes no seu poder milagroso. A capela foi terminada em 1734 e situava-se no local atualmente ocupado pela capela da Natividade de Nossa Senhora ou de Santa Ana (construída em 1865), ao fundo do escadório, a sul do templo atual. Contam as crónicas que o professor Francisco Magalhães Machado terá, então, decidido restaurar a imagem. Ao preparar-se para a levar a um pintor, a imagem ter-se-ia transformado miraculosamente numa estátua de excelente aspeto, o que, ao ser divulgado, aumentou ainda mais a sua fama.

D. José de Bragança, arcebispo de Braga decidiu, então, perante o avolumar dos crentes em romaria, proceder à construção do santuário, provido de uma escadaria, à semelhança de outros santuários da mesma época, nomeadamente do Santuário do Bom Jesus, de Carlos Amarante. Por carta Régia de 14 de Abril de 1874, foi elevado à categoria de Santuário Real.

info: pt.wikipedia.org/wiki/Santu%C3%A1rio_de_Nossa_Senhora_do_...

Comentários